Nos meus afazeres domésticos comecei a meditar entre panelas encardidas e não encardidas, comecei a pensar que nós seres humanos temos muito em comum com elas.
Alguns deixam sua “panela” suja por ai sem se importar com que os outros possam achar, outros só dão brilho do lado de fora e por dentro estão pretos como carvão. Tem aquelas pessoas também que só estão preocupadas em achar a sua “tampa da panela”, sem saber que A TAMPA perfeita, que cobre todas as panelas no que elas necessitam, está esperando por elas para “tampa-las” e protege-las de tudo.
Com tudo isso percebi que o ideal para nós é sermos iguais as donas de casa zelosas que estão todo dia limpando suas panelas para depois não ter que limpa-las com uma esmerilhadeira, POIS CHEGARÁ UMA HORA EM QUE A PANELA OU É LAVADA OU É JOGADA FORA.
“1 Pedro 2:5 : Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo.”