Tive de longe o pior e o melhor de meus pesadelos ontem, ele era tão horrível assim porque se tratava da minha vida, mais especificamente dos meus erros passando pela minha frente e foi tão bom porque aprendi com eles.
Sonhei com uma casa que na realidade não se parece em nada com essa da foto, mas a coloquei para contrastar com a realidade, a casa era muito linda, enorme e de luxo (João 7.24), então não vi nenhum mal de entrar nela, porém a cada comodo que eu entrava eu via minhas falhas, minhas atitudes e motivações egoístas e cada vez mais que a insegurança me levava para outra parte da casa eu me sentia mais perturbada querendo fugir daquelas alucinações.
Foi ai que me deparei com uma mulher que mais parecia ter saído do filme “o exorcista” ela me segurou com todas as forças e por mais que eu tentasse me livrar dela só tinha dor e sofrimento, ela dizia palavras com nexo, só entendi o que ela disse quando dirigiu uma pergunta a mim que foi mais ou menos isso: o que você quer? só nesse momento pude recobrar minha sanidade e tornei minhas as palavras de Jesus e disse: não seja feita minha vontade, mas sim a vontade de Deus (Marcos 14.36), apenas assim que pude me libertar de tal tormento, sai da casa cantando um cântico de jubilo e confiança em Deus.(Salmos 106.1)
Esse não foi apenas um pesadelo, é o que muitas vezes fazemos, entramos nessa “casa” por conta de coisas que aparentemente são boas, o fato é que podem até ser agradáveis mais o fim delas é a morte (Romanos 6.21) e assim como eu tentei me livrar do terror com as minhas próprias forças nós tentamos nos livrar do pecado por nós mesmos, porém não conseguimos, todavia para a glória de Deus Jesus é o único que pode nos livrar de tal tormento ” Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.” (Romanos 6.23)

Espero que assim como eu sai dessa casa, se você se encontra nessa situação saia também, mas não se demore muito nela, afinal você já tem a chave que é Jesus!!!